Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Classic Header

{fbt_classic_header}

Últimas Petições:

latest

Como Treinar o Seu Cão

O treino de um animal, seja ele qual for, exige muito tempo e paciência, além de muito amor e carinho. Os cães são animais relativamente...

O treino de um animal, seja ele qual for, exige muito tempo e paciência, além de muito amor e carinho.
Os cães são animais relativamente fáceis de treinar pois são muito inteligentes, no entanto a paciência deve estar sempre presente, um dono irritado e impaciente não terá sucesso no treino do animal.
Para se ensinar um cão tarefas difíceis como ajudar uma pessoa a atravessar a estrada são necessários treinos intensivos levados a cabo por profissionais, por isso nesta página apenas encontrará truques de obediência simples como deitar e ir buscar um objecto.

Algumas regras de treino:
  • Realize sessões de treino curtas e eficazes. Não faça sessões muito longas porque os cães distraem-se muito facilmente o que poderá atrasar o treino do animal;
  • Aquando de uma tarefa bem feita por parte do cão deve compensa-lo com guloseimas e carinhos. A utilização destes agentes contribuirá para uma melhor associação do cão à tarefa a realizar;
  • Não use coleiras estranguladoras;
  • Treine quando está de bom humor;
Depois de ler as regras de treino poderá começar com as sessões.

"Senta":

  • Pegue numa guloseima e mostre-a ao seu cão;
  • Quando tiver a atenção do seu animal, verá que este segue a guloseima;
  • Segure a guloseima acima da cabeça do seu cão, fazendo-o olhar para cima e eleve-a para trás do seu nariz, obrigando a inclinar a cabeça para trás;
  • A única forma do seu cão alcançar a guloseima será sentar-se;
  • No momento em que ele se sentar dê-lhe a guloseima, mostre um ar contente e acaricia-o;
  • Após umas tentativas o cão associará a guloseima com sentar;
  • Quando ele compreender totalmente o que deve fazer, diga “senta!” ao mesmo tempo que ele se senta, para que ele aprenda a associar a palavra à acção. 
  • Agora que deu início ao processo, com prática será possível simplesmente dizer-lhe que se sente, em vez de ter de o atrair para essa posição com uma guloseima.
"Deita"

  • Com uma guloseima na mão, deixe uma ponta de fora para que o seu cão consiga vê-la.
  • Mostre-a e depois pouse a mão no chão. Ele tentará ao máximo chegar a ela.
  • Ele acabará por se deitar – assim que ele o fizer, faça o estalido e dê-lhe a guloseima.
  • Insista várias vezes e, quando ele perceber que a sua mão no chão corresponde à ordem “deita!”, repita a palavra ao mesmo tempo que ele executa a ação correta.
  • Com a prática, ele passará a deitar-se quando ouve a ordem, sem precisar da guloseima.
"Vem"
 
  • Peça a um amigo ou familiar que o ajude neste exercício.
  • O seu ajudante ajoelha-se no chão, segurando o cachorro em posição de sentado.
  • Sente-se a pouca distância à frente do seu cão e chame-o, dizendo energicamente o nome dele seguido da palavra “Vem!”.
  • Olhe para ele e abra bem os braços, como se o fosse abraçar. Tem de demonstrar muito entusiasmo por o ver. Para ajudar, pode ter na mão uma guloseima ou o brinquedo favorito do seu cão.
  • Se tiver um ar muito apelativo, o seu cachorro correrá para si a toda a velocidade. Assim que ele o alcançar, não se esqueça: clique, guloseima, e elogios como se não houvesse amanhã!
  • Treine durante pouco tempo mas com muita frequência, aumentando progressivamente a distância que o seu cachorro tem de percorrer para chegar junto do dono. Lembre-se sempre de o encher de mimos quando ele chegar ao pé de si.
  • Quando ele conseguir desempenhar a acção de forma consistente, comece a chamá-lo de um local em que ele não o consiga ver. Brinque à apanhada em casa, de forma que o seu cão tenha de o encontrar.
  • Vá para o jardim e introduza nesta acção distracções controladas, como por exemplo uma pessoa conhecida a passar. Se não tiver um jardim, use o de um amigo. Nunca comece esta fase num parque público.
  • Quando o seu cachorro já estiver confiante num jardim fechado e com distracções, é altura de começar a praticar num parque. Prenda-o com uma trela extensível ou uma trela longa para treinar. Isto dará ao seu animal de companhia uma sensação de liberdade, mas assegura que o dono mantém o controlo.
  • Treine algumas chamadas. Não se esqueça que, num parque, tem de se esforçar por ser ainda mais apelativo – há imensas distracções cativantes para um cachorro pequeno.
  • Se ele sair disparado noutra direcção, ignorando o seu chamamento, não corra atrás dele, porque ele achará que é uma brincadeira animada! Em vez disso, corra na direcção contrária (continuando a segurar a ponta oposta da trela). O cachorro ficará confuso e acabará por correr atrás de si. Se o dono fugir, isso ensinará o cão a estar atento a ele quando estão fora de casa, no caso de acidentalmente se perder.
  • Gritar com o cachorro quando ele não vem para junto de si ou ralhar quando ele finalmente chega são erros, e apenas contribuem para o baralhar. É importante que ele associe chegar ao pé de si com uma recompensa. Seja paciente.
"Fica"

  • Comece com “Deita-Fica”. Peça ao cão para se deitar.
  • Diga “Fica” num tom de voz firme e estenda a sua mão com a palma virada para a frente.
  • Aguarde uns segundos e faça o clique e dê-lhe a recompensa por se manter quieto. Treine isto várias vezes.
  • Depois, peça-lhe para deitar, dê um passo atrás e diga “Fica”.
  • Após cerca de três segundos, clique, avance e recompense-o. Elogie o seu cão por ser tão inteligente.
  • Vá aumentando a duração e a distância da acção de “ficar”. Mas atenção: não tente fazer demasiado em pouco tempo.
  • Se o seu cão interromper a acção, não grite com ele: basta não clicar no clicker ou não lhe dar a recompensa. Zangar-se nestes casos é contraproducente.
  • Quando o seu cachorro dominar o “Deita-Fica”, ensine-o a “Ficar” na posição de “sentado” e, depois, em posição “de pé”, usando exactamente a mesma técnica.
                                                                                                  Informação retirada e adaptada de Purina

Sem comentários

Obrigado pelo seu comentário!